Postagens

CANÇÃO DE NINAR

Imagem
Baila o vento perfumado,  em flores sem medo,  mas obedeça por prazer no jardim desta cidade,  escolha a cada dia a escolha do SENHOR,  sem incerteza,  confiante,  firme,  perseverante,  alegre pelas cores,  alegre pelas dores,  alegre nas águas correntes que passam,  águas vivas,  que param mui lentamente  e refletem como o cristal o seu próprio reflexo,  refletem você,  a linda poesia de Deus. 
Alguém toca a canção de ninar,  é principio de noite,  é um fim certamente,  é Jesus sorridente,  no meio,  no curso  para as crianças do jardim.
Sinta o perfume da oração,  é calmaria,  é fim de tempestade,  mas na ótica da fé veja!  Será um fantasma?  Não!  Não tenho medo do mestre celeste,  nosso amigo fiel. 
Alguém canta a canção de ninar,  e diz:  eu sou a canção do bom vento,  confie em mim,  eu morri faz tempo,  eu vivo agora,  eu sou o SENHOR de dentro,  embora esteja lá fora  em cada momento,  sinta a minha noite fria,  sou Jesus Cristo.  É hora de deitar  pois cedo  um amanhã  vai se levantar.

Gabriel Francisco da Silva Bezerra …

CÉU DE ÓRION

Imagem
Quando na noite mais densa Olhares que nos céus estão  As luzes da nossa aliança O brilho de uma constelação
Verás a espada do gigante Sempre aos pés do mestre Como o amor vai sempre  Com a esperança celeste
Se a luz do céu fosse sua Mesmo na névoa do ar Atrás da mais clara lua Eu sentiria o teu cintilar
E diria qual sol pro luar No céu do teu sentimento Onde está teu pensamento Que eu sempre vou te amar

Gabriel Francisco da Silva Bezerra 28 de Dezembro de 2018

O BOIADEIRO

Imagem
Ouça o canto na madrugada Do boiadeiro pra boiada Ecoa da beira da estrada Até a porta do curral

Estala a urro feroz Do boi solto na solta Esse não tem mais volta No mato foge veloz

Corre com o laço que gira Que faz o som da destreza Laçou o boi com certeza É laçador bom de mira

O pai o boi derrubou Cabra macho cansou O filho forte ajudou Seu avo "sim Senhor!"

O boiadeiro ligeiro Enche o cocho de sal Fecha a porta do curral E o boi vem pelo cheiro

Ouço o canto na madrugada Do boiadeiro pra boiada Ecoa na memória gravada Até a porta celestial

Palavras vãs, palavras vão Elas são deixadas... Que possam ser mais São sãs, mais que palavras Se vão, setimentam, caladas...

Pois boiadeiro é homem lendário  Pastor do silêncio que se chama: "A língua das palavras não humanas" Que nasce no volver da sua chama


Autor: Gabriel Francisco da Silva Bezerra 23 de Dezembro de 2018

A MENINA DOS TEUS OLHOS

Imagem
Meu pai é a alegria Ele é cativo Por mim, pois sim, Por ele vivo
Entre as tranças minhas
Sua palavra fiel
Sou uma parte do céu 
Que cruza em suas linhas
Nos cabelos força nasce Meu poder, ocultamente Revelei na minha face Que mostro a ti somente
E ainda que a força se acabar Sou o aro da tua orla Que gira toda hora Para ao teu lado estar
Sou a menina dos teus olhos Uma casa bem firme Onde tocam mil canções  Sou tua geração sonante Que vem do teu semblante Harmonia de dois corações 
Já diz em meu colar Que eu sempre vou amar Meu pai, na alegria Que nunca findará
Eu sou tua companhia A testemunha da aurora Que luta com palavras Ser existente do agora Sombra das tuas asas
Sou a menina dos teus olhos O eixo da luz nascente Tua cativa que te prende Voando mui livremente Ao ninho da nossa corrente

AUTOR: Gabriel Francisco da Silva Bezerra 21 de Dezembro de 2018

AMOR MAIOR DO MUNDO

Imagem
Como começa o amor de Deus? Será com o eu, com o tu ou com o ele, será? Sei que começa com o homem enganado e com Deus certo. Nós estávamos perdidos e o amor sempre perto. Juntos, Deus e o homem, o AMOR conosco vai começar.
Nós estávamos tão enganados Perdidos no nosso eu Mas o santo amor de Deus Nos fez filhos amados 
O amor é como um filho  no lar paternal Estava tudo em paz Mas quando o filho sai prova o amor do Pai
Amor que sabe esperar a volta, Amor que conta os segundos, Amor maior do mundo, Amor que sempre bate a porta, Amor que tem destino, Amor que nunca chega tarde, Amor do céu, divino, Amor de grande profundidade.
Como termina o amor, será com o nós,  com o vós, ou com o eles, será? Sei que terminaria com um homem certo,  o Filho de Deus enfim! Nós estávamos perdidos e Ele nos encontrou mesmo assim. Juntos, o Pai e seus filhos, o amor não termina, vai recomeçar.

Autor: Gabriel Francisco da Silva Bezerra 08.02.2017

A ENTRADA TRIUNFAL

Imagem
As lágrimas sobre o santo monte Que descem ao chão e vão além.... Pelo sangue caído da fronte Ferida da triste Jerusalém
Jerusalém, Jerusalém, que mata os profetas E apedreja os que te foram enviados No teu coração se aguça aguda seta Ai dos teus pobres filhos amados!
Com outro sangue a redimirei E tirarei dos seus olhos toda dor Pois:- "eis aí te vem o teu rei, Justo, humilde e salvador"


Autor: Gabriel Francisco da Silva Bezerra 7 de Setembro de 2018